Pesquisa

Pesquisa personalizada

BeRuby

BeRuby
Aqui o Irritado já experimentou e comprovou! Ganhem dinheiro apenas navegando na internet!

segunda-feira, 12 de abril de 2010

Irrita-me Profundamente...O Cancro

   Irrita-me profundamente o cancro. Se tivesse de escolher uma doença que me irrita profundamente, de certo que escolheria o cancro. Não há ninguém que não conheça alguém que já tenha tido ou tenha actualmente cancro. No meu caso, o meu pai faleceu de cancro e a minha mãe já teve um nos instestinos e já vai no segundo, agora nos pulmões. Tenho uma amiga que também já passou uma vez pela experiencia e que agora está a passar novamente. É, sem dúvida, a doença que mais tem morto actualmente e mais casos novos surgem anualmente. Claro, também há casos de sucesso e de felicidade. Muitas pessoas conseguem enfrentar e vencer o tão temível bicho papão.
   Antigamente as pessoas tinham um medo enorme da SIDA, hoje em dia, é o cancro que mais suscita medos entre a população. Escusado será dizer, que em alguma fase da minha vida, este papão me vai bater à porta, não só pelo meu historial familiar como também pelo estilo de vida que actualmente se leva e que eu penso que influencia bastante a esta doença. Ora são radiações electromagnéticas, tabaco, poluição atmosférica, stress do dia-a-dia, genética, etc. Podíamos arranjar mil e uma desculpas para o aparecimento do cancro, mas é tão aleatório que irrita profundamente por isso mesmo. É mais fácil acertar o euromilhões do que justificar qual o motivo/causa porque determinado cancro apareceu. Mas será que nós conseguimos controlar o aparecimento mudando algumas coisas no nosso estilo de vida? Na minha opinião, penso que sim, mas não quer dizer que não venhamos a padecer de cancro. Simplesmente podemos retardar o seu aparecimento.

Cumps

4 comentários:

  1. Nem sei o que dizer. Sim, também me irrita profundamente. A minha sogra teve um cancro na mama de que se salvou, felizmente e agora também tenho uma prima em segundo grau com um cancro devastador. É uma doença que não olha a quem. Sejam ricos ou pobres, velhos ou novos. Deus nos livre. À vossa saúde!

    ResponderEliminar
  2. Esse grave mal do cancro também me irrita profundamente. Conheçi aqui em França pessoas amigas que morreram do cancro e outros que o progresso da medecina consegui curar milagrosamente quando não é tarde demais e não està muito adiantado. Possivelmente mudando o nosso estilo de vida poderà contralar o aparecimento, mas nada é garantido a 10O por cento que não venham a padecer do cancro. È um mal que nos aparecer sem esperar, aparece.
    Deus nos preserve. E demos graças a Deus para quem não o tem e compaixão pelos que sofrem desse mal.
    Beijinhos pelo tema que escolhes-te que nos podes tocar a todos e mesmo irritado profundamente és un sensivel.

    ResponderEliminar
  3. Psiu, n****** virtual... Deixa-me contar-te um segredo ("Principezinho" :-): o cancro faz parte da vida,como qualquer outra doença estúpida, como todas o são...,como as coisas boas e as outras... Se nos irritamos muito estamos a acicatar o animal ;-).É ignorá-lo,desvalorizá-lo,desmistificá-lo,desanimá-lo... no fundo :-)!Quem sabe se ele assim desiste...Vá,não lhe dês confiança,que é o que eu tento fazer.És um menino mesmo lindo!

    ResponderEliminar
  4. Olha quem apareceu!! :) bem-vinda Princesa! Realmente é mesmo isso que temos de fazer...desprezar o gajo! :) Força linda! beijos

    Alex, Sentimento recíproco! Esperar que consigamos passar entre a chuva e possamos apoiar quem realmente precisa! :)
    beijos

    ResponderEliminar